Pessoa que descumprir lockdown em Fortaleza poderá ser levada para delegacia, diz secretário

O secretário a segurança pública do Ceará, André Costa, afirmou nesta quinta-feira (7) que os moradores de Fortaleza deverão portar documentos, em especial o comprovante de residência, para se deslocar nas ruas a partir desta sexta-feira (8), quando entra em vigor o decreto de lockdown na cidade. Segundo ele, se a pessoa for parada duas ou três vezes e apresentar justificativa, não há punição; mas quem sair de casa descumprindo as regras poderá ser conduzida a uma delegacia

“Caso precise sair de casa, que esteja de posse de documentos que comprovem a necessidade da saída de sua casa. Algum comprovante de residência que todos deverão estar portando e, a depender da destinação, que tenha algum documento comprovando. Por exemplo, recibo para quem faça entrega. Se for pra mercado ou farmácia, isso se torna desnecessário, mas é preciso que tenha um comprovante de residência”, explicou o secretário.

“Obviamente o nosso intuito maior é de orientar, sensibilizar o esforço que a gente está fazendo é para salvaguardar, proteger e preservar vidas”, justificou.

Barreiras físicas

O esquema de controle do deslocamento das pessoas vai se basear em uma divisão de 124 quadrantes da cidade, feita pela secretaria. Barreiras físicas vão ser instaladas em 20 principais corredores de Fortaleza. Além disso, sete entradas principais da capital vão ter bloqueios, segundo o secretário da segurança do Ceará, André Costa.

Ocupantes de veículos com máscaras
Os veículos só vão poder prosseguir viagem se todos os ocupantes estiverem usando máscaras e apresentarem comprovante de endereço ou declaração atestando que o deslocamento é necessário, ou seja, para serviços essenciais, aqueles permitidos pelo decreto estadual.

Em caso de os ocupantes apresentarem uma justificativa aceita, mas não estarem utilizando a máscara, o deslocamento será interrompido. O uso da máscara é obrigatório para todas as situações.

Resistência e prisão

Se houver resistência de populares quanto às orientações da polícia pode haver uso da força policial, segundo o secretário. “Somente em caso de resistência é que nós precisaremos usar da força policial, conforme previsto”, afirmou.

“Pediremos as pessoas que abandonem o calçadão e em caso de desobediência também serão conduzidas à delegacia. Na delegacia, a orientação é o enquadramento no artigo 268, do Código Penal, que é o descumprimento de medidas sanitárias preventivas, e, eventualmente, a prática de outros crimes que podem acontecer, de desobediência, desacato ou até mesmo resistência”, detalhou André Costa.

Já se a pessoa for parada mais de uma vez pela polícia, mas justificar o deslocamento e estiver de máscara, será liberada sem punição. “Mas se uma vez só ela sair e descumprir o dever de permanecer domiciliar e mesmo estada a retornar para casa ela descumprir e desobedecer essa ordem, aí sim, nesse caso, ela será conduzida para uma delegacia”, acrescentou o secretário.

Siga a Metrópole News nas redes sociais

Facebook
Instagram
YouTube
Twitter
TikTok

2 thoughts on “Pessoa que descumprir lockdown em Fortaleza poderá ser levada para delegacia, diz secretário

  • 8 de maio de 2020 em 00:31
    Permalink

    Uma verdadeira ditadura dos militantes do PT, isso tá muito estranho, mas as eleições estão chegando e as pessoas evitem esses ditadores

    • 8 de maio de 2020 em 21:45
      Permalink

      Vcs não estão entendendo, esse governo está querendo parar o povo, não querem que o povo continuem as denuncias e nem querem que o povo faça nem uma movimentação ou paciata contra o governo deles e a favor do Bolsonaro .
      Um bando de tirador .

Fechado para comentários.

error: O conteúdo está protegido!