Mais de um milhão e meio de pessoas se recuperaram de Covid-19 em todo o mundo

Já temos mais de 1,5 milhão de recuperados da covid-19: exatas 1.522.041 pessoas venceram a doença até início da tarde desta quarta-feira (13) de maio de 2020.

(Mas atenção: isso não é incentivo para relaxar as regras de isolamento social, mesmo porque o número de mortos no Brasil está dobrando a cada 5 ou 6 dias. Cuide-se!)

Os países com maior número de recuperados são:
Estados Unidos, Alemanha e Espanha, de acordo com Mapa online da Covid-19 da Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos.
O Brasil aparece em 8º lugar no levantamento, com mais de 72 mil pessoas recuperadas da doença.

Veja o ranking dos recuperados (dados atualizados às 15h de 13/05/2020)

1º EUA – 230,287
2º Alemanha – 148.700
3º Espanha – 138.930
4º Itália – 112.541
5º Turquia – 101.715
6º Irã – 89.428
7º China – 79.242
8º Brasil – 72.597
9º França – 58.786
10º Rússia – 48.003

Casos confirmados

Os números mostram que a doença continua crescendo no mundo.

Já são mais de 4,3 milhões de infectados.

Estados Unidos, Espanha, Itália, Reino Unido e França são os 5 países com mais casos até agora.

Mortos

Já o número de mortos subiu para 294.647 no planeta. Um verdadeira tragédia.

Os Estados Unidos estão na frente com 83.150 mortos, seguidos Reino Unido 33.263, Itália 31.106, França 27.077, Espanha 26.920 pessoas que perderam a batalha para doença, até agora.

O Brasil é o sexto da lista aqui o coronavírus já matou 12.635 pessoas.

Orientações

Por isso a orientação das maiores autoridades do mundo é para que a gente mantenha firme o isolamento social.

Se precisar sair, use máscara.

Na volta para casa, tire e higienize os sapatos e a máscara, lave as mãos com sabão. Se possível, tome banho, troque de roupa e ponha a usada na rua para lavar.

Outra dica: tenha um chinelo para andar apenas dentro de casa. Não pise dentro da sua casa com o sapato usado na rua.

Siga a Metrópole News nas redes sociais

Facebook
Instagram
YouTube
Twitter
TikTok

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido!