“Ainda bem que a natureza criou o coronavírus”, diz Lula

Nem a morte de quase 18 mil pessoas no Brasil parece sensibilizar o ex-presidente Lula sobre o respeito às vítimas da Covid-19 acima da política, ou do populismo, praticado por ele. Em uma recente entrevista para a Carta Capital, o ex-chefe do Executivo chegou ao ponto de “agradecer a natureza” pela criação do coronavírus.

“Ainda bem que a natureza, contra a vontade da humanidade, criou esse monstro chamado coronavírus, porque esse monstro está permitindo que os cegos enxerguem, que os cegos comecem a enxergar, que apenas o estado é capaz de dar solução a determinadas crises” – declarou.

Sem parecer se importar com os sentimentos das famílias, o próprio Lula afirmou que o vírus teria servido para alertar o governo do presidente Jair Bolsonaro sobre a importância de um Estado forte para conter o avanço da crise econômica.

Apesar de seguir com suas frases de efeito e ataques contra o presidente Jair Bolsonaro, o petista segue enquadrado na Lei da Ficha Limpa, impedido de disputar eleições. Lula permaneceu preso de 7 abril de 2018 a 08 de novembro de 2019 em uma cela especial da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba.

Siga a Metrópole News nas redes sociais

Facebook
Instagram
YouTube
Twitter
TikTok

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido!